domingo, 9 de fevereiro de 2014

Despertar Amarelo - Milhões apavorados depois de perder oito horas de suas vidas


WASHINGTON -- A nação permanece em um estado de medo, angústia e paranoia esta manhã, após relatos confirmados de que centenas de milhões de americanos - quase toda população do país - inexplicavelmente perdeu completamente a consciência por quase oito horas noite passada.

Lugares de trabalho permaneceram fechados e os sistemas de comunicação sobrecarregaram a medida que a população despertava, ainda desorientada essa manhã. Muitos preferiram ficar em suas casas e freneticamente buscaram contatar amigos e familiares após esse bizarro evento. Todos os preocupados cidadãos, ao longo do país, relataram como vem tentando confortar uns aos outros, sejam amigos, parentes, vizinhos ou mesmo estranhos enquanto ainda procuram compreender as circunstâncias chocantes que os fez perder um terço de seu dia. Enquanto isso, as autoridades governamentais buscam lidar com a crise e acalmar os americanos.

Ainda estamos tentando reunir informações sobre o que aconteceu noite passada, nós podemos definitivamente declarar que durante um período entre seis e nove horas, quase todos cidadãos dos Estados Unidos perderam a consciência e permaneceram desacordados,” disse o secretário de imprensa da Casa Branca Jay Carney em uma confusa conferência hoje, ressaltando que mesmo os mais altos membros do governo, incluindo o Presidente Obama e oficiais do Congresso e do Pentágono, foram afetados pelo fenômeno. “Como uma precaução, o presidente ordenou a ativação de protocolos de segurança emergenciais da FEMA, grupos de contenção do CDC, bem como as Forças Armadas, até que se obtenha uma explicação razoável para o bizarro acontecimento.


Por enquanto, pedimos aos americanos para permanecerem calmos e protegidos em suas casas,” acrescentou Carney. “E se você perceber algum cidadão recair nesse estado de incapacidade, pedimos que você faça o que estiver ao seu alcance para protegê-lo até que ele desperte. Estamos disponibilizando uma linha para que as pessoas possam telefonar em busca de ajuda e uma página na internet com informações a serem atualizadas assim que tivermos uma posição oficial".

O presidente se dirigiu a nação hoje pela manhã ressaltando que o governo está trabalhando para descobrir as razões para essa estranha ocorrência e pediu que todos mantenham a calma e tentem voltar a sua vida normal. Outras nações manifestaram sua preocupação e ofereceram ajuda aos Estados Unidos, inclusive o envio de médicos e cientistas. O temor de que a situação possa vir a se repetir em outro lugar fez com que vários países fechassem suas fronteiras e declarassem estado emergencial. 

Baseado em milhares de relatos de cidadãos, a estranha condição afetou pessoas de todas as idades, raças e sexo, em toda a nação (exceto os estados do Havaí e Alasca), espalhando-se além da fronteira atingindo o Norte do México e algumas áreas do Canadá. Embora nenhuma explicação definitiva para o evento tenha sido oferecida, dezenas de teorias vem sendo formuladas por cientistas e populares, variando entre uma possível toxina dispersa no ar, para uma poderosa variação no campo magnético do planeta, um ataque terrorista, ou até mesmo um ato divino que serviria como aviso para tempos difíceis.

A despeito do motivo, quase todos cidadãos entrevistados transmitiram um relato similar sobre como foram afetados no início do evento, lembrando que em algum momento da noite, começaram a perceber uma alarmante perda de suas faculdades mentais e uma crescente sensação de fatiga física. A maioria das pessoas consultadas disse que a medida que a condição progredia, o bizarro fenômeno fez com que eles se sentissem incapazes de manter os olhos abertos, mesmo que eles estivessem assistindo televisão ou lendo um livro, até que eventualmente seus corpos e mentes, nas palavras de muitos, simplesmente "se desligaram".

Muitas pessoas contaram que a coisa seguinte que lembravam era estar exatamente no mesmo lugar onde adormeceram, com absolutamente nenhuma memória do que aconteceu nesse intervalo, com alguns indivíduos sentindo os efeitos de torpor e confusão tão agudos que por um instante tiveram dificuldade de reconhecer que dia era. Além disso, muitas pessoas afetadas descreveram o surgimento de uma estranha crosta arenosa formada ao redor de seus olhos ou traços de saliva seca escorrendo para o queixo, aparentemente restos de um estado profundo de catatonia.

De acordo com alguns relatos, certos indivíduos experimentaram  uma perda de consciência similar mais tarde, no mesmo dia, por um período de até trinta minutos. 

Quando eu acordei estava deitado no sofá de casa, eu achei que alguma coisa tinha acontecido comigo, talvez um desmaio,” disse Andrew Calhoun, morador de Omaha, que contou ainda que sua primeira ação foi verificar se ele ou alguém de sua família estava de alguma forma ferido. “Percebi que minha esposa e filhos também estavam acordando, esfregavam os olhos e gemiam como se também tivessem acabado de despertar de uma sedação, eu nunca me senti tão impotente".

É horrível pensar que nós estávamos completamente paralisados e indefesos, por horas,” Calhoun continuou. “Nós não tínhamos nenhum sentido, nenhuma ideia do que acontecia ao nosso redor— é como se simplesmente, tivéssemos perdido oito horas de nossa vida. Uma loucura!

Apesar da maioria dos cidadãos não possuir qualquer lembrança a respeito do incidente, uma considerável percentagem da população afirma ter experimentado misteriosas visões, com muitos indivíduos recordando vívidas experiências.

Eu juro, enquanto estava inconsciente, tive o mais perturbador sonho, ou alucinação. Nele eu, meu chefe e um velho amigo da minha infância estávamos juntos na casa onde eu cresci” disse Valerie McComb de Seattle, que ainda demonstrava estar chocada a medida que relatava detalhes do ocorrido. “Em certo momento do sonho, e essa é a parte mais assustadora, lembro que fomos atraídos para o lado de fora da casa. E ao chegar lá fora era dia, mas um dia estranho, diferente de tudo que já vi... haviam dois sóis, um grande e alaranjado e outro esverdeado. E o céu tinha uma cor amarelada estranha. Será que isso é uma profecia do que nos espera no futuro? Será que eu devo seguir algum tipo de instrução? Eu realmente não sei o que pensar.

Em Nova York, o artista Tracy Corman contou uma estória parecida: "Haviam dois sóis, o céu era amarelo e havia algo mais... eu cresci em Milwalkee, próximo dos Grandes Lagos. Lembro de ter visto um lago imenso, de perder de vista, com águas paradas... lembro também que havia algo no meio desse lago, uma cidade cheia de torres de vidro e cúpulas espelhadas". 

O Sr. Corman perdeu a consciência enquanto estava voltando para casa de seu trabalho. Ele acabou "apagando" na rua. Quando pedido que fizesse um desenho sobre o que havia visto em seu sonho, ele produziu o rascunho a esquerda.

Outras pessoas relataram casos recorrentes envolvendo a mesma paisagem celeste de coloração amarelada, dois sóis, estrelas distantes, lagos e cidadelas. Alguns cogitam se as pessoas que tiveram esse sonho não foram de alguma maneira contatadas por alguma força ou inteligência superior.

"Eu acordei me sentindo estranho..." contou o motorista Ramon Garcia de Galveston, TX. "Sabe quando você acorda de um sonho muito profundo e não consegue lembrar sobre o que era, mas mesmo assim tem uma noção lá no fundo? Pois bem... eu lembro de uma palavra que se repetia: "HALI", acho que era o nome de um grande lago que vi enquanto dormia".

Esse estranho nome, Hali, aparentemente não tem um significado específico. Outro nome misterioso descrito como "Carossa" (ou ainda "Cancosa" ou "Carcosa") também foi citado recorrentemente por milhares de indivíduos. Alguns ainda mencionam lembrar de assistir algo que parecia uma peça teatral e estar diante de uma figura imponente, como uma espécie de Rei. 

"Não foi um sonho particularmente desagradável" relatou Laura Michaels de Los Angeles, "lembro de ter sido algo muito tranquilo e pacífico. O tipo do sonho do qual você não quer acordar e lamenta terminar muito cedo".  contou ela que garante se recordar de uma peça teatral.  "É uma pena, gostaria de saber o que significava esse sonho. Tenho a impressão de que foi algo muito íntimo e espiritual. Só porque não compreendemos não significa que seja algo ruim. Para ser sincera eu adoraria ter esse sonho novamente".

Durante o evento, as ruas das grandes cidades americanas ficaram desertas. Muitos simplesmente deitaram em seus lugares de trabalho, praças ou nas ruas e se deixaram levar pela inconsciência. Apesar da maioria das pessoas ter tido tempo de resumir suas tarefas antes de serem tomadas pela inconsciência, muitos acidentes foram relatados nesse período, sendo que o mais grave foi a queda de um 747 que se aproximava para pouso no aeroporto Internacional de Miami. Outras doze aeronaves, a maioria aviões de pequeno porte também se acidentaram. Os vôos vindos do exterior foram desviados quando torres de comando ficaram mudas. Seguindo protocolos de segurança, milhares de vôos foram desviados para outros aeroportos.


Redes de abastecimento elétrico, rodoviário e ferroviário também enfrentaram problemas, mas os sistemas automatizados emergenciais conseguiram lidar com a maioria das panes. Considerando a crise geral que atingiu o país, as tragédias poderiam ter sido muito mais graves. Até o momento, a defesa civil emitiu uma estimativa de vítimas fatais em torno de 10 mil em todo o país e cerca de duas vezes esse número em feridos decorrentes de acidentes, a maioria de natureza doméstica.

"Felizmente, quando os primeiros efeitos do estupor se tornaram evidentes, a maioria das pessoas simplesmente paravam seus carros ou deixavam de operar maquinário. Muitos equipamentos automatizados puderam ser desligados a tempo, evitando problemas mais graves que poderiam advir da ausência de supervisão" explicou Richard Gomez do centro de Análise de Desastres.

Enquanto uma explicação razoável não é oferecida, centenas de milhares de americanos buscam conforto e auxílio espiritual em igrejas e templos em toda nação. Houve ainda focos esporádicos de agitação em algumas cidades, com pessoas tentando estocar suprimentos e princípios de saques. A Guarda Nacional foi acionada e realizará patrulhas nas próximas semanas.

Um curioso efeito colateral que pode estar ligado a curiosa experiência é a súbita atração de milhares de pessoas pela cor amarela. Hoje, ao longo do dia, era possível ver um número fora do comum de pessoas vestindo peças de roupa amarelas. Outras simplesmente estenderam panos, roupas ou tecidos de cor amarela nas suas janelas ou na porta de casa. 


"Não sei porque fiz isso. Simplesmente pareceu adequado. Foi algo natural." contou Elvira Hartwell de Abercombe, Illinois que além de vestir um conjunto de cor amarela, também estendeu lençóis da mesma cor na janela de sua casa. As casas de comércio que abriram as suas portas, registraram uma grande procura por roupas e acessórios amarelos, o mesmo acontecendo em lojas de material de construção e pintura que esgotaram seus estoques de tecidos e tintas em todos os tons de amarelo.

Em face desse detalhe inquietante, algumas pessoas estão chamado o evento de "Despertar Amarelo". As autoridades não quiseram se manifestar a respeito, mas muitos lembraram que o Presidente em seu discurso usava uma gravata amarela.

*     *     *

Apenas um exercício de horror com base em uma "notícia" do site "The Onion" (http://www.theonion.com/que trás notícias bizarras, incomuns e/ou estranhas como se fossem manchetes reais. 

Adorei essa ideia! Parece uma excelente premissa para uma campanha de horror nos reinos do Rei Amarelo. Scoop do nosso colega Alexandre Lima.

5 comentários:

  1. Esse negócio de perder 1/3 do dia existe sim, chama-se emprego!!!!

    ResponderExcluir
  2. http://www.literatsi.com/noticia/humanidade-apaga-e-tem-visoes-do-futuro-em-livro-de-ficcao-cientifica/

    ResponderExcluir