terça-feira, 3 de junho de 2014

Crianças do Slender Man - Meninas acusadas de tentativa de homicídio nos Estados Unidos


Essa notícia infelizmente é real...

[Traduzido do US Daily News]

Duas meninas pré-adolescentes de 12 anos estão sendo processadas como adultas pela tentativa de homicídio de outra menina da mesma idade. As duas são acusadas de terem atraído a amiga para uma floresta onde a esfaquearam dezenove vezes.

Segundo os primeiros depoimentos, as acusadas, contaram que cometeram o crime em nome de uma entidade sobrenatural conhecida como Slender Man.

As duas foram presas na segunda-feira e levadas a juízo onde devem responder por tentativa de homicídio e enfrentar uma sentença que pode chegar a 60 anos de prisão. O crime ocorreu no sábado, no condado de Waukesha, Wisconsin, de acordo com os investigadores à frente do caso. 

Uma das meninas revelou ao detetive que elas estavam tentando se tornar "servas" do Slender man, uma entidade fantasmagórica, que elas conheceram através de uma creepypasta na internet. A página que hospeda "casos reais" sobre o Slender Man recebe uma grande quantidade de visitas diárias, com estórias e lendas a respeito da criatura. A tentativa de homicídio arquitetada contra a vítima vinha sendo planejada desde dezembro do ano passado. As meninas atraíram a vítima, convidando-a para dormir na casa de uma delas, onde fariam uma pequena festa. Elas não mencionaram em momento algum o que planejavam fazer.

Na noite em que a vítima dormiu na casa de uma das criminosas, elas planejavam levar à cabo o assassinato, mas na última hora desistiram de fazê-lo por temer que não conseguiriam carregar o corpo para a floresta. Na manhã seguinte, inventaram que gostariam de brincar de esconder na floresta e fizeram com que a vítima as seguisse até um lugar isolado.

Segundo os policiais, as meninas contaram que agarraram a vítima e antes que ela percebesse o que estava acontecendo a atacaram pelas costas com facas que elas traziam escondidas na cintura. As duas meninas desferiram um total de dezenove ataques visando braços, pernas e torso, mas felizmente nenhuma perfuração atingiu uma área vital.

Elas abandonaram a vítima sangrando na floresta e esperavam que ela morresse em decorrência dos ferimentos. Uma delas disse que o Slender Man viria em seguida para receber o sacrifício e que elas não podiam estar perto nesse momento. Após cometer cometer o crime, as duas deixaram a área e buscaram refúgio em uma casa abandonada dentro da Reserva Florestal de Nicolet, onde costumavam brincar.

Mesmo ferida gravemente, a vítima (cuja identidade vem sendo mantida em sigilo) conseguiu se arrastar para uma estrada onde foi encontrada por um grupo de bicicleta que prestou primeiros socorros. Ela foi levada até um hospital onde enfermeiros conseguiram estabilizar a sua condição. Um dos médicos que a atendeu disse que por pouco uma artéria não foi rompida, o que teria provocado a morte. As facas aparentemente foram abandonadas na floresta e ainda estão sendo procuradas pela equipe de perícia envolvida no caso.

"Eu compreendo que elas são muito jovens, mas o ato que cometeram não é menos bárbaro do que os planejados pelos mais perigosos psicóticos". contou o Comissário Thomas Pieper durante a audiência preliminar. "Jamais vi algo assim, elas falam com uma naturalidade perturbadora a respeito de matar e torturar outras crianças. Elas possuem uma afinidade com assuntos dessa natureza."

Uma das meninas contou que vinha tendo sonhos recorrentes com o Slender Man e que nesses sonhos recebeu a ordem de sacrificar outra criança para assim se tornar sua serviçal. Ela contou também que o Slender Man era capaz de ler seus pensamentos e de se teleportar para dentro de sua casa.

Na wikia, o Slender Man aparece como uma figura esquálida e pálida, vestida com um terno, com braços e pernas muito longos. Segundo a lenda urbana ele persegue crianças e adolescentes e costuma vagar perto de regiões florestais, ainda que apareça também em ambientes urbanos.

Durante o ataque com as facas, uma das meninas contou que "precisava matar a amiga e fazer o que o Slender Man ordenava. Do contrário", completou um policial, "ela seria a vítima da criatura".

Os pais de uma das meninas acusadas compareceram a audiência e ouviram o testemunho de cabeça baixa. A mãe chorou duas vezes e tentou pedir desculpas pelo que havia ocorrido. Ela disse que sua filha jamais foi violenta ou falou a respeito do Slender Man ou creepy pastas.

*     *     *

Certas coisas são realmente assustadoras...

Eu realmente acho que não há necessidade, mas em face disso tudo, não custa deixar claro e reforçar. 

O Slender Man e demais assuntos relacionados nesse Blog e em vários outros (incluíndo Cthulhu, Necronomicon e os Mythos) não passam de ficção, nada disso deve ser levado a sério ou servir de justificativa para ações temerárias.

Bom senso e razão nunca são demais.

7 comentários:

  1. Infelizmente, gente com tendências homicidas encontra pretextos em qualquer lugar pra justificar suas loucuras. Soube do caso em que um homem afirmava que a Jodie Foster mandava que ele cometesse assassinatos. Lamentavelmente, casos em que figuras de terror são relacionados como motivadores, acabam causando mais comoção e, por consequência, preconceito com os fãs do gênero.

    ResponderExcluir
  2. Sim, esse caso é famoso. O sujeito tentou matar o presidente americano Ronald Reagan em 1982 porque achava que a Jodie Foster passava mensagens a ele através dos filmes. O sujeito tinha uma esquizofrenia grave.

    Mas realmente é fato que pretextos são dados para as coisas mais horríveis.

    ResponderExcluir
  3. Essas meninas podem ter uma série de problemas, mas uma parcela de culpa vai também para os pais, que devem estar atentos as ações dos filhos, crianças costumam misturar realidade com fantasia e cabe aos pais controlarem o que elas assistem ou leem.

    ResponderExcluir
  4. " Elas não mencionaram em momento algum o que planejavam fazer."

    Óbvio, pense nelas dizendo : "olha, vem dormir na minha casa e mais tarde nós iremos lhe assassinar."

    ResponderExcluir
  5. Nestas horas percebo que, não dar acesso livre à internet para o meu filho de 9 anos, é uma boa atitude. Ele pode usar a internet, mas só com supervisão. Acho que o mundo moderno tem largado uma carga muito pesada nas costas das crianças, ao deixarem elas livres demais. Um pouco de limites só faz bem.

    Sobre o ocorrido, "desculpas" para matar, existem várias: de slender man a futebol; de vozes do além à bullying contra a menina bonita ou o nerd gordo. Só espero que isso não sirva de pretexto para que se proíba RPG e demais jogos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Garanto que tem algum demagogo pensando em algo do gênero.

      Excluir
  6. Cara, li essa notícia ontem no yahoo, lá mencionaram que elas pretendiam matar a menina enquanto dormia, depois no banheiro pra facilitar a limpeza, mas acabaram utilizando o pretexto de brincar de esconde-esconde na floresta pra facilitar o abandono do corpo. É realmente muito triste isso aí, é bem provável que as duas meninas tenham algum grau de psicopatia e não possuam noção de certo e errado o que foi potencializado por esse suposto pedido do Slenderman (que as notícias dizem parece ser um usuário de algum site de creepypasta), pelos menos a vítima não chegou a falecer. É questão de se pensar nos cuidados que devemos ter com os filhos e observar sempre o menor sinal de mudança de comportamento ou que tipo de material estão tendo contato! Tomara que não iniciem uma nova caça às bruxas como geralmente fazem...

    ResponderExcluir